Páginas

domingo, 10 de abril de 2016

Tu perdoas, não ouves as opiniões das outras pessoas e até te chateias com algumas delas porque a única coisa que te importa é ele. O estar bem com ele, receber os mimos dele ou só falar com ele. Só ele. Para depois ele dar-te as provas que era tudo o que as pessoas diziam que era. Para depois ele fazer tudo o que as pessoas avisaram-te que ele ia fazer. Fazer-te feliz não foi. Estar sempre lá para ti, apoiar-te e dar-te todas as provas possíveis que ia ficar tudo bem? Não fez isso. Tu perdoas-te 1001 coisas que ele fez. Perdoas-te as atitudes que ele teve até esqueces-te as que ele não teve, porque tu o amas. Amas-o mais que tudo e todos, e não consegues imaginar uma vida sem ele, sem acordar com as mensagens dele ou saber que ele é teu. Mas do que vale ele ter o título de "teu namorado" se quando precisas que ele aja como tal, percebes que não passa de um mero título? Não preciso de um namorado assim. Preciso que as palavras que dizes se transformem em atitudes porque eu estou cansada. Cansada de pensar para mim que vai tudo ficar bem. Cansada de tentar arranjar sempre mais e mais motivos para não desistir e tu não fazeres mais nada sem ser me dar mais 10 motivos que o melhor é eu seguir em frente. Perdi o orgulho por causa de ti e talvez tenha sido por isso que nunca consegui seguir em frente, mas pára! Cheguei ao meu limite, finalmente.